Véspera de viagem

Continuo no plantão.

Felizmente está sendo bem tranquilo. Pela manhã, consegui fazer as unhas. Passei um laranja nas mãos e um branquinho com glitter nos pés. As cutículas ficaram legais, até, mas o esmalte ficou mais-ou-menos… ainda não tenho muita habilidade para pintar minhas unhas sozinha. E achei o esmalte laranja grosso demais, apesar de ser novinho em folha, até pinguei umas gotinhas de acetona para dar uma afinada no bichinho.

Estou super-super-super ansiosa, mais ainda de estar aqui no plantão. Queria tomar um banhão, lavar o cabelo…

Os colegas do plantão até fizeram um warm-up pra mim colocando Crocodilo Dundee para a gente assistir. O inglês australiano é engraçado… acho que consigo me acostumar.

Comi feijoada hoje… e doces da Confeitaria Edelweiss… hummmmmm

Voltando para o WordPress e planejando minhas férias

Resolvi voltar para o WordPress depois da última frescurite do Blogger.

Estou dando um tempo da dieta desde que peguei aquela sinusite em agosto. Desde então tenho pensado em muitas coisas da minha vida que estavam guardadinhas lá dentro e resolveram aflorar. Como por exemplo, que na vida (pelo menos nesta aqui) é cada um por si. Então cansei de ser boazinha.

Naquela época também resolvi que precisava tirar umas férias e programei uma viagem bem longa com a minha filha. Pra esquecer de tudo mesmo. Fiz a louca e comprei as passagens. Cansei. Vou pra bem longe – Austrália. Partimos dia 9, domingo.

Daí, foi um parto conseguir a autorização de viagem para a minha filha. Um verdadeiro saco. Dá-lhe ansiedade. Tinha vontade de esganar um por dia. Levei a papelada para o fórum no dia 15 de setembro e, pasmem, a autorização foi sair só… ontem… 3 dias antes da viagem. Ninguém está nem aí mesmo, é o que eu digo. Mas pelo menos saiu, e vamos, sim, viajar.

Então com essa viagem, tive que, de livre e espancada vontade, adiantar alguns plantões, ergh… Final de semana passado fiz 60 horas ininterruptas. E cá estou eu de novo enfrentando mais 36 horas em véspera de viagem. É, acreditem. Coleguinhas bem legais que eu tenho, né… Hoje tirei a tarde para arrumar as malas. E terei que dar um jeito nas unhas e no cabelo aqui no hospital mesmo. Ê vida… Eu queria ser dondoca, meu Deus, como eu queria…

Um dia eu largo esses plantões, e vai ser logo!